Erro na Linha: #3 :: Use of undefined constant SEO_TITLE - assumed 'SEO_TITLE'
/home/sindaspi/public_html/site/sindaspisc/header.inc.php
SEO_TITLE

BLOG SINDASPI-SC


06/02/2020 | Artigos

Greve na Petrobrás e na Dataprev/Serpro

As greves deflagradas pelos trabalhadores petroleiros da Petrobrás e  Dataprev/Serpro tem um ponto de consenso que é o desmonte do estado brasileiro promovido pelo Governo Federal. A Política  Neofascista/Neoliberal de estado minimo está levando o povo brasileiro a total dependência externa ao entregar o patrimônio nacional para empresas estrangeiras, pior, dando preferência a emrpresas norte americanas, num total entreguismo e rebaixamento internacional do Brasil.

A Petrobrás e a Dataprev/Serpro são responsáveis pela manutenção da autonomia nacional, a primeira voltada a maior descoberta do século de uma fonte de riqueza mineral fóssil que é o pré-sal, tendo consequências econômicas para varias áreas do governo, principalmente na saúde, educação, segurança e tecnologia.

A segunda é responsável pela gestão de todos os dados dos brasileiros, e é simplesmente este dados que o Governo Federal quer privatizar, tirando da mão do estado brasileiro este controle. Já imaginou o seus dados pessoais sendo administrados por uma empresa estrangeira do ramo da tecnologia com interesses econômicos no mundo todo? E mais, sendo comercializados pelo mundo  tornando-se alvo de especulações e uso variados sem a sua autorização?

É contra  desmonte do estado brasileiro e da possibidade de um País se tornar a grande potência internacional que estes trabalhadores corajosos e patriotas assumiram este compromisso. País este que durante os governos trabalhistas se tornou referência internacional de geração de renda e retirada de brasileiros do mapa da fome.

O Sindaspisc, sendo coerente com sua hstória, vem a público manifestar seu total apoio a este movimento paredista, convidando todos os Trabalhadores a apoiar esta greve, pois é por manutenção destas importantes empresas, seus postos de trabalho e autonomia nacional que a luta deve continuar.

Autor: Gilmar Espanhol